terça-feira, 7 de abril de 2015

Festival de Cinema para crianças e adolescentes chega a sua 3ª edição no agreste pernambucano


Taquaritinga do Norte, Bom Jardim e Orobó no agreste do estado de Pernambuco, foram as cidades selecionadas para execução da terceira edição do Criancine - Festival de cinema Infanto juvenil, nos dias 27, 29 e 30 de abril, respectivamente.
O Criancine é um Projeto Cultural que tem como objetivo maior levar através do cinema momentos educacionais e de desenvolvimento social para crianças e adolescentes, o projeto envolve escolas e sociedade, ajudando na difusão de obras audiovisuais nacionais, desenvolvendo uma consciência crítica aos envolvidos neste processo.
O festival busca em sua curadoria obras que estejam ligadas à realidade escolar, e, nesta edição, seguirá os mesmos critérios através de filmes de curta-metragem que tratem sobre bulling, diferenças e acessibilidade, a exemplo do premiado filme "Sophia" do diretor paraibano Kennel Rogis, que conta a relação de uma mãe que busca entender melhor o universo de sua filha Joana, deficiente auditiva, uma singela história de amor e cumplicidade, cercada de poesia visual e sonora. 
O evento consegue atender todo alunado das redes municipal, estadual e particular. "Nas duas últimas edições conseguimos atingir um público maior de 5.000 crianças e adolescentes e nesse ano tentaremos duplicar esse número, uma forma de educar de forma lúdica, como também, difundir o cinema nacional", declarou o diretor do Projeto Alexandre Soares.  
Além das exibições, acontecerá nas três cidades a oficina “Iniciação a Produção Audiovisual – fundamentos e práticas” ministrada pelo fotógrafo e cineasta Saullo Dannylck, onde os participantes conhecerão sobre produções cinematográficas além de realizarem um filme de curta metragem que será exibido na conclusão das atividades em cada cidade.
                O júri do festival é composto pelo próprio público, após as sessões, acontecerão debates e discussões sobre as obras apresentadas, em seguida, as crianças e jovens, escolherão os filmes que serão premiados. 
Em Taquaritinga do Norte as sessões acontecerão no Cine Teatro Santo Amaro, Centro da cidade; em Bom Jardim no Centro Educacional e Cultural Professora Marineide Braz, centro; já na cidade de Orobó no Portal da Inclusão Digital localizado na Rua 10 de Janeiro, centro. As exibições de todos os dias começarão às 8h e a entrada é gratuita.
Assista o vídeo da edição 2014:  https://www.youtube.com/watch?v=0qd7hl1tosk

 Inscrições para oficinas:

criancine@hotmail.com

segunda-feira, 6 de abril de 2015

E o Criancine - Festival de Cinema Infanto Juvenil, chega a sua 3ª edição



Esse ano o Criancine tem como objetivo maior levar através do cinema momentos educacionais e de desenvolvimento social para crianças e adolescentes. O projeto envolve escolas e sociedade, ajudando na difusão de obras audiovisuais e desenvolvendo uma consciência crítica aos envolvidos neste processo. 


Para esta edição, foram selecionadas as cidades de Taquaritinga do Norte, Bom Jardim e Orobó, no agreste do estado de Pernambuco, nos dias 27, 29 e 30 de abril, respectivamente.


O festival que busca em sua curadoria obras que estejam ligadas à realidade escolar, e mais uma vez, seguirá os mesmos critérios através de filmes de curta-metragem que tratem sobre bullying, diferenças e acessibilidade.



Após todas sessões, acontecerão debates e discussões sobre as obras apresentadas, estratégias que darão base as crianças e jovens para que possam escolher os filmes que serão premiados.



sábado, 15 de fevereiro de 2014

Segunda edição do Criancine consegue público recorde

 A segunda edição do Criancine - Festival de cinema Infanto Juvenil, conseguiu concluir sua segunda edição, nessa última sexta-feira (14/02), com um recorde de público estipulado em 2.800 presenças. O festival que teve sua primeira versão itinerante, conseguiu percorrer desde a última segunda feira (10/02), quatro cidades do agreste do estado de Pernambuco: Taquaritinga do Norte, Vertentes, Bom Jardim e Orobó.

Dentre as novidades da segunda edição, os debates entre educomunicadores, educadores e estudantes em cima das temáticas abordadas pelos filmes, tiveram grandes destaques. "A cada debate nos surpreendíamos com a inteiração e reciprocidade da garotada, conseguimos atingir nossos objetivos!", afirmou o diretor do projeto, Alexandre Soares.

"Outra grande realização que eu e minha equipe tivemos, foram as exibições dos filmes no antigo cinema de Orobó, o prédio ficou sem funcionamento por 25 anos e voltar a receber público com nosso projeto, é um sentimento de dever cumprido", finalizou.

Em todas as cidades em que o projeto passou, o público era responsável de julgar os melhores curtas-metragens. Na categoria Ficção o filme "L"  de Thaís Fujinaga- SP foi o elegido melhor filme. Em animação "Eu queria ser um monstro" de Marão – RJ e na categoria documentário o prêmio foi dividido entre "Quando eu crescer" de Emanuel Dias – PB e "360 °" (Coletiva EREM Euridice Cadaval -PE).

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Oficinas de cinema iniciam as atividades da 2º edição do Criancine

Foto: Divulgação / Kennel Rógis

O Cinema Santo Amaro e o salão de festa do Grande Hotel Jorge Eduardo, em Taquaritinga do Norte, sediaram na manhã desta segunda-feira as atividades da segunda edição do Criancine - Festival de cinema Infanto Juvenil. Foram realizadas as oficinas "Para ver, refletir e praticar cinema" com as facilitadoras Yanara Galvão e Natália Lopes e "Cinema infantil" com Léo Leite, Igor Sá e Lucas Mariz. Ao todo, participaram cerca de 50 pessoas entre crianças, educadores e interessados.
As atividades das oficinas "Cinema infantil”, apenas terminará nesta terça-feira (10/02) quando as crianças tomarão as ruas da cidade para colocar em prática o que foi visto. "É um trabalho de formação com cunho educativo. Repassamos para a criançada várias técnicas dentro do mundo cinematográfico: direção, direção de fotografia, roteiro, trilha sonora, abordamos a linguagem do cinema de modo geral, declarou o músico e realizador Igor Sá.
Os trabalhos do festival terão continuidade nesta terça-feira em Taquaritinga do Norte, no Cine Teatro Santo Amaro, centro da Cidade. Na quarta-feira, o projeto segue para a cidade de Vertentes, onde acontecerão exibições na Escola de Referência Gil Rodrigues. Já no dia 13/02, na cidade de Bom Jesus (Centro Educacional e Cultural Professora Marineide Brazeno) e em Orobó no dia 14/02 (Salão Paroquial situado na praça Coronel Abílio de Sousa Barbosa). Em todas as cidades as exibições iniciarão a partir das 8:00 e a entrada é gratuita.
Confira os filmes selecionados:
Ficção
 - A bicicleta do vovô (Henrique Dantas – BA) 13’ LIVRE
- L (Thaís Fujinaga- SP) 20’ LIVRE
- Amarelinha (Rafael Jardim – BA) 12’20” LIVRE
Animação
- O Cangaceiro (Marcus Buccini – PE) 5’34” LIVRE
 - A última reunião dançante (Lisandro Santos – RS) 12’45” LIVRE
 - Eu queria ser um monstro (Marão – RJ) 8’ LIVRE
- Paleolito (Ismael Lito e Gabriel Calegario – RJ) 6’13” LIVRE
- Cabeça Papelão (Quiá Rodrigues – RJ) Ani 20’ LIVRE
Documentário
 - Quando eu crescer (Emanuel Dias – PB) 12’10” LIVRE
- 360 ° (Coletiva EREM Euridice Cadaval -PE) 13’ LIVRE
 - Pedro Américo (Coletivo dos alunos da Escola Ministro José Américo de Almeida - PB) 4’47” LIVRE


sábado, 1 de fevereiro de 2014

PROJETO LEVA CINEMA À CRIANÇAS NO AGRESTE PERNAMBUCANO



Taquaritinga do Norte, Vertentes e Orobó, no agreste do estado de Pernambuco, foram as cidades selecionadas para execução da segunda edição do Criancine - Festival de cinema Infanto juvenil, nos dias 11, 12 e 14 de fevereiro, respectivamente.

O Criancine é um Projeto Cultural que tem como objetivo maior levar através do cinema momentos educacionais e de desenvolvimento social para crianças e adolescentes. O projeto envolve escolas e sociedade, ajudando na difusão de obras audiovisuais e desenvolvendo uma consciência crítica aos envolvidos neste processo.

Foram selecionados 11 curtas-metragens nacionais entre documentários, animação e ficção. Entre eles, o filme “L” de Thais Fujinaga, um drama que conta a história de Teté, uma garota que é insatisfeita com seu corpo, que após conhecer Héctor, decide mudar de aparência -um filme já premiado em vários festivais do Brasil.  

Além das exibições dos filmes, o público poderá participar das oficinas "Incentivo ao Cineclubismo", com Yanara Galvão, presidente da FEPEC (Federação Pernambucana de Cineclubismo) e cineclubista e realizadora Natália Lopes; “Cinema infantil” ministrada pelo cineastas Leo Leite, Lucas Mariz e Igor Sá.

"É de extrema importância que aconteçam eventos como esse para a difusão do cinema nacional e que possam chegar à população que não tem acesso para conhecer, consumir e refletir sobre o produto”, declarou o diretor do Projeto Alexandre Soares.

O júri do festival é composto pelo próprio público. Após as sessões, acontecerão debates e discussões sobre as obras apresentadas, em seguida, as crianças e jovens, escolherão os filmes que serão premiados.

Em Taquaritinga do Norte as sessões acontecerão no Cine Teatro Santo Amaro, centro da Cidade. Em Vertentes na Escola de Referência Gil Rodrigues, já em Orobó acontecerão no Salão Paroquial situado na praça Coronel Abilio de Sousa Barbosa, as exibições de todos os dias, começarão às 8h e a entrada é gratuita.

Filmes selecionados para segunda edição:

Ficção
- A bicicleta do vovô (Henrique Dantas – BA) 13’ LIVRE
- L (Thaís Fujinaga- SP) 20’ LIVRE
- Amarelinha (Rafael Jardim – BA) 12’20” LIVRE

Animação
- O Cangaceiro (Marcus Buccini – PE) 5’34”
- A última reunião dançante (Lisandro Santos – RS) 12’45”
- Eu queria ser um monstro (Marão – RJ) 8’
- Paleolito (Ismael Lito e Gabriel Calegario – RJ) 6’13”
- Cabeça Papelão (Quiá Rodrigues – RJ) Ani 20’ LIVRE

Documentário
- Quando eu crescer (Emanuel Dias – PB) 12’10”
- 360 ° (Coletiva EREM Euridice Cadaval -PE) 13’
- Pedro Américo (Coletivo dos alunos da Escola Ministro José Américo de Almeida - PB) 4’47”

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Abertas inscrições para oficinas de Cineclubismo

Acontecerá nos dias 10 e 11 de fevereiro, no Cine Teatro Santo Amaro, centro de Taquaritinga do Norte, oficinas de Cineclubismo, que visa trazer ainda mais força à cultura local ao democratizar a relação entre público e o cinema.
Todos os oficineiros são integrantes de cineclubes e facilitadores experientes, afiliados à Fepec com atuação prévia em oficinas de cineclubismo.

Ao todo são 25 vagas, com certificados de conclusão. Os interessados devem entrar em contato pelos telefones (81) 9609-0790/ 9158-3045.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Filmes Vencedores do 1º CRIANCINE

ANIMAÇÃO: A fábula da Corrupção (Lisandro Santos - RS) 8’15’


 DOCUMENTÁRIO: Ele era um menino feliz – O Menino Maluquinho, 30 anos depois(Caio Tozzi e Pedro Ferrarini – SP) 19’52’’


FICÇÃO: Garoto Barba (Christopher Faust – PR) 14'


Os filmes vencedores foram escolhidos por votação de júri popular durante os três dias do Festival, os filmes fascinaram o público que após cada sessão discutia os temas abordados e se levantavam questões entre os alunos e os professores que vão continuar sendo debatidas em sala de aula. O objetivo do projeto foi alcançado, e no terceiro dia de evento o público foi realmente excepcional, o Cine Teatro Santo Amaro ficou pequeno para as crianças, jovens e professores.
A sétima arte esteve em evidência mais uma vez em Taquaritinga do Norte, professores da rede pública e estadual que levaram suas turmas ao festival, elogiaram bastante a iniciativa e falaram da importância de projetos como esse unindo a arte, cultura e educação para a formação de cidadãos com um novo modo de pensar, frisaram também a grande oportunidade que foi dada a essas crianças, onde a maioria nunca tinha entrado numa sala de cinema, destacando a qualidade dos filmes exibidos e a ousadia e inovação do projeto em Taquaritinga do Norte.
A cultura invadiu o coração das crianças durante os três dias desta primeira edição do CRIANCINE, respirando cinema, educação e cultura, fica a certeza de ter levado a contribuição cultural para a formação de pessoas que certamente trabalharão para o surgimento de um mundo melhor, usando a arte como principal ferramenta.

Viva a sétima arte!

Equipe do CRIANCINE